segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Mitsubishi Motors fará a estreia de novo crossover durante eclipse solar


Um novo e moderno crossover com inspiração em um fenômeno raro e, ao mesmo tempo, encantador e fascinante. O Mitsubishi Eclipse Cross terá pré-lançamento mundialmente durante o eclipse total do Sol na próxima segunda-feira, dia 21 de agosto.

Recheado de tecnologia e o DNA 4x4 da Mitsubishi, o Eclipse Cross é um modelo que eleva o prazer da experiência de dirigir. As linhas dinâmicas do Eclipse Cross criam a mesma sensação de emoção e inspiração do efeito do anel de diamante durante um eclipse total. A cor vermelha de alta saturação foi especialmente desenvolvida para o modelo e traz referência ao brilho do halo do sol queimado por trás da lua.

O local escolhido para a apresentação mundial é a cidade de Portland, no estado americano do Oregon, primeiro local onde o eclipse total do Sol poderá ser visto. E contará com a presença do surfista de ondas gigantes e Atleta MIT Carlos Burle, que apresentará o SUV para os brasileiros.

A transmissão ao vivo no Facebook da Mitsubishi Motors (www.facebook.com/MundoMit) começa às 13h (horário de Brasília), no início do eclipse. Pouco mais de uma hora depois, às 14h17, será o ápice, com sombra total, que irá durar apenas 1min54.

O lançamento mundial do novo Mitsubishi Eclipse Cross será em 2018. Mais detalhes da vinda do carro ao Brasil serão divulgadas em breve. Ele chega para completar a linha de crossovers e SUVs da marca.

O nome Eclipse surgiu a partir de 1989 com a criação do lendário cupê esportivo de fama mundial. Agora recebe o sobrenome “Cross” que o eleva a outro patamar, tornando o veículo um SUV recheado de tecnologia e 4x4.

Há quase 100 anos os Estados Unidos não assistiam a um eclipse total do Sol que passasse de costa a costa do País. No próximo dia 21 de agosto, a sombra da Lua projetada na Terra produzirá uma sombra de mais de 100 quilômetros, descolando-se do Oregon (noroeste) até a Carolina do Sul, que fica no outro extremo, passando por 14 estados em cerca de duas horas.



No Brasil, o fenômeno será parcial e só poderá ser visto em alguns estados das regiões Norte e Nordeste.

Porsche Império GT3 Cup troca Interlagos pelo Velo Città na abertura do campeonato de endurance

O campeonato de endurance da temporada 2017 da Porsche Império GT3 Cup terá seu início no Velo Città, com prova de 300 km em 16 de setembro.

Originalmente designada para Interlagos, a etapa de abertura do campeonato de longa duração foi transferida para o moderno autódromo do interior do Estado de São Paulo em virtude da antecipação do fechamento da pista da capital para obras necessárias para o GP Brasil de F1.

Dessa maneira o certame de endurance acontecerá em três pistas distintas em 2017: Velo Città, Goiânia e Interlagos.

Introduzida no ano passado, a disputa de endurance foi uma das coqueluches da categoria. Como as tripulações têm dois ou três pilotos neste campeonato, as corridas de 300 km e 500 km proporcionaram um inédito intercâmbio entre os pilotos regulares da Porsche Império GT3 Cup e outros competidores profissionais, brasileiros e estrangeiros.

A próxima reunião da Porsche Império GT3 Cup é para a penúltima jornada de sprint do ano e acontece na pista argentina de Termas de Río Hondo, com as corridas marcadas para 26 de agosto.

domingo, 20 de agosto de 2017

Stuttgart Motorsport vence a terceira seguida no Brasileiro de Endurance

Pole position, vitória e melhor volta. O Porsche 911 GT3 R da Stuttgart Motorsport dominou a 3 Horas de Santa Cruz do Sul, quarta etapa do Campeonato Brasileiro de Endurance, e levou a dupla Marcel Visconde/Ricardo Mauricio à terceira vitória seguida na temporada.

A vitória de Visconde/Mauricio em Santa Cruz do Sul só não foi de ponta a ponta porque Stuart Turvey conseguiu uma largada surpreendente com o protótipo Scorpion Hayabusa Turbo, pulando do sexto lugar no grid para a liderança na curva inicial. Na segunda volta, Mauricio ultrapassou o Scorpion e daí em diante o Porsche permaneceu na liderança até a bandeirada.

Mesmo com dois períodos de safety car na primeira hora de prova, o Porsche colocou uma volta de vantagem sobre o então segundo colocado, o MR 18-Honda de Francesco Ventre/Eduardo Dieter. Este carro prometia dificultar as coisas para Visconde/Mauricio no final da prova, mas abandonou devido a um acidente causado por falha mecânica. Com a saída do MR 18-Honda, o adversário mais próximo do Porsche passou a ser o MRX-Nissan de Nilson Ribeiro/José Roberto Ribeiro, que chegou a ficar uma volta atrás dos líderes. Na bandeirada, o Porsche ficou na frente por uma margem de 40 segundos.

"Não esperávamos ter uma corrida tão tranquila aqui em Santa Cruz do Sul. Aconteceram os incidentes normais de qualquer corrida, mas nada que colocasse nosso resultado em risco", comemorava Visconde. "Estou contente porque nosso carro atual, o 911 GT3 R, nunca havia andado aqui, e tivemos um ótimo desempenho em uma pista que exige muito do conjunto e do piloto. O Ricardo conhece bem este traçado, mas eu só havia corrido em Santa Cruz uma vez, há dez anos, com um Porsche 911 GT3 Cup que era totalmente diferente do carro de hoje." 

Para Ricardo Mauricio, o único momento de dúvida aconteceu nas primeiras voltas, quando uma garoa leve chegou a molhar a pista. "Pensamos em parar e colocar pneus para pista molhada, mas a chuva parou logo e os asfalto começou a secar. Perdemos tempo na última troca de pilotos ao ficar uma volta a mais atrás do safety car. Foi aí que o segundo colocado passou a ficar na mesma volta que nós. Felizmente, isso não comprometeu nossa vitória."

O resultado da 3 Horas de Santa Cruz do Sul fez Visconde/Mauricio abrirem boa vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro de Endurance. Além de vencer, a dupla da Stuttgart Motorsport viu os vice-líderes Franco Pasquale/Tiel Andrade perderem várias posições devido a um problema mecânico que fez o Tubarão IX com motor Ford Turbo parar na pista quando era terceiro colocado. Levado para o box, o Tubarão foi reparado e voltou à corrida. Recebeu a bandeirada em 11º lugar, sétimo entre os carros da categoria GP1.

Os seis primeiros colocados na 3 Horas de Santa Cruz do Sul:
1) 20-Marcel Visconde/Ricardo Mauricio (Porsche 911 GT3 R ‒  GP1), 112 voltas em 3h00:25.278
2) 65-Nilson Ribeiro/José Roberto Ribeiro (MRX-Nissan ‒ GP1), a 40.407
3) 117-Emílio Padron/Fernando Fortes (MR 18-Audi Turbo ‒ GP1), a 2 voltas
4) 71-Daniel Claudino/Ian Ely (MCR-VW Turbo ‒ GP1), a 3 voltas
5) 31-Marcello Sant’Anna/William Freire (Lamborghini Gallardo LP520 ‒ GP1),
6) 75-Henrique Assunção/Fernando Ohashi (MRX-Cosworth ‒ P2), a 4 voltas

Melhor volta: 20-Marcel Visconde/Ricardo Mauricio (Porsche 911 GT3 R), 1:18.178, média de 162,6 km/h


Pole position: 20-Marcel Visconde/Ricardo Mauricio (Porsche 911 GT3 R), 1:17.049

Mercedes-Benz vende 800 furgões Sprinter para o SAMU

Os veículos comerciais leves Sprinter da Mercedes-Benz se consolidam, cada vez mais, como referência na aplicação ambulância UTI, assegurando agilidade, conforto e segurança no transporte móvel de urgência.

A Sprinter venceu a licitação de 800 furgões para transformação em UTI móvel para atendimento no SAMU, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência do Ministério da Saúde. O primeiro lote de 220 ambulâncias será entregue até o mês de setembro.Essas ambulâncias serão distribuídas para cidades de várias regiões.


Assim como na área da saúde, a versatilidade de uso da Sprinter também ganha evidência no setor de entrega de encomendas. Também foram vendidos 45 furgões Sprinter 313 CDI Street para a Locamerica, que irá destinar esses veículos ao atendimento à DHL, empresa líder mundial em serviços postais, expressos, e-commerce e logística.

Além da agilidade e facilidade de direção e manobras, vantagens essenciais especialmente nas vias urbanas, os furgões Sprinter Street oferecem elevada capacidade de carga, contribuindo para maior produtividade no transporte e com excelente custo operacional para os clientes. Também podem circular sem restrições nas áreas centrais das grandes cidades.

Nova Amarok Extreme é destaque da Volkswagen na 40ª Expointer

A Volkswagen irá exibir toda a tecnologia e inovação da Nova Amarok na 40ª edição da Expointer, exposição reconhecida como um dos maiores eventos do mundo no gênero, que ocorrerá entre 26 de agosto e 03 de setembro de 2016 e reunirá as últimas novidades da tecnologia agropecuária e agroindustrial. O evento ocorre no Parque de exposições Assis Brasil, em Esteio (RS).
 
No estande da Volkswagen, que ocupa uma área de cerca de 429 m2, estarão expostas as versões Extreme, Highline, Trendline e SE. A Volkswagen também tem um espaço off road para demonstrar os principais atributos de sua picape média, uma das mais avançadas tecnicamente no mercado nacional.
 

Uma das novidades apresentadas pela Volkswagen  no Salão do Automóvel de São Paulo de 2016, a Nova Amarok chegou às concessionárias para se tornar referência em sua categoria em termos de design, conectividade e tecnologia, além de manter a imagem de robustez e força, já reconhecidos pelo mercado. O modelo traz os sistemas de infotainment mais avançados do mercado, capazes de espelhar o celular com as plataformas MirrorLink, Google Android Auto e Apple Carplay.

Disponível em seis versões, o modelo traz um uma série de itens exclusivos na categoria, como bancos dianteiros (motorista e passageiro) com ajustes elétricos e sistema de freios “Post- Collision Braking” (sistema de frenagem automática pós-colisão). Fora isso, mantém uma série de itens que continuam exclusivos na categoria, como a tração 4x4 permanente, o ABS off-road e a transmissão automática de oito velocidades.

A linha 2017 da picape Volkswagen é oferecida no mercado brasileiro nas versões S (cabine simples e cabine dupla), SE, Trendline, Highline e Highline Série Extreme (estas sempre com carroceria de cabine dupla). A versão S conta com o motor 2.0 turbodiesel com 140 cv de potência e 34,7 kgfm (340 Nm) de torque, sempre associado à transmissão manual de seis velocidades.

As demais configurações são equipadas com o motor 2.0 diesel com dois turbocompressores com potência de 180 cv e torque de 40,8 kgfm (400 Nm) com transmissão manual (versão SE) e 42,8 kgfm (420 Nm) com transmissão automática de oito velocidades (item de série nas demais versões).

A versão Highline traz de série, entre outros itens, indicador de perda de pressão dos pneus, airbags laterais de tórax e de cabeça para motorista e passageiro e faróis bixenônio com luz de condução diurna (DRL) em LED.

O novo painel de instrumentos chama a atenção. O quadro de instrumentos com iluminação vermelha, nas versões S e SE, dá lugar a um novo conjunto com iluminação branca, de leitura ainda mais fácil. As saídas de ar passam a ter formas retangulares e há uma nova faixa decorativa horizontal, que nas versões S, SE e Trendline é na tonalidade “deep inox”, e na Highline, é “bright silver”. Comandos do ar-condicionado, disposição da régua central dos controles no painel e um amplo porta-objetos na parte central superior do painel: tudo é novo.

Exclusivo para a Amarok Extreme, o novo instrumento combinado “Premium Color” apresenta tela colorida 3D de 3,5”. Outras exclusividades desta versão são as capas esportivas dos pedais e os tapetes em carpete com a inscrição “Extreme”



Serviço:
Evento: Expointer 
Data: 26/08 a 03/09
Local: Esteio/RS
Endereço: Km 13 da BR 116 (via lateral) – Esteio/RS
Horário de funcionamento: Das 09h as 18h
Ingressos: R$ 13,00 para adultos e R$ 6,00 para estudantes e idosos (entrada livre para crianças até 6 anos)

Renault premia primeiro comprador do Kwid


Apenas quatro minutos foram suficientes para que Elvis Marimoto realizasse a primeira reserva do Kwid quando foi aberta a campanha de pré-venda do veículo, em 9 de junho. 

Como prêmio pela confiança na marca e no produto, Elvis e sua esposa, Andreia, foram convidados ao lançamento do SUV compacto, em 2 de agosto, onde receberam de Luiz Pedrucci – presidente da Renault do Brasil - a notícia de que o Kwid seria um presente da Renault. O veículo foi entregue na noite de desta terça-feira, em evento na concessionária Liberté, em Balneário Camboriú (SC).


“Ganhar o carro foi uma surpresa total. Quando reservei o Kwid, não tinha a intenção de ser o primeiro, mas apenas garantir o meu. Reservei o Kwid em primeiro lugar pelo design. Em segundo, pela economia de combustível. Em terceiro, porque já tive um veículo Renault e sempre gostei muito do atendimento pré e pós-venda”, afirmou Elvis, que recebeu o Kwid na versão Intense.

Motor da FPT Industrial equipa novo Tector Auto-Shift da IVECO

A FPT Industrial, uma das maiores produtoras de motores industriais do mundo, desenvolveu o motor N67 para atender especialmente a nova versão da linha Tector da IVECO com transmissão automatizada. 

O propulsor entrega melhor consumo de combustível e mais potência e torque em todas as versões do novo Tector Auto-Shift: 170E30 4x2, 240E30 6x2 e 310E30 8x2.

Com o novo câmbio automatizado, quando o motorista pisa fundo no acelerador para fazer uma ultrapassagem, por exemplo, o sistema eletrônico de controle entende a urgência de sua necessidade de força e potência, e comanda a transmissão que reduz uma ou mais marchas, aumentando o giro do motor e entregando maior força para a realização da ultrapassagem. Essa é apenas uma das várias funções deste novo produto.

O N67, que equipa o Tector Auto-Shift, é um motor otimizado e eficiente com potência de 300 cv e torque máximo de 1050 Nm. A nova calibração do motor N67 da FPT Industrial proporciona trocas de marchas mais rápidas, distribuindo melhor o torque e potência, economizando combustível e emitindo menos poluentes (atendendo aos limites do Proconve P7).

Com o desenvolvimento exclusivo, a nova geração do motor alcançou a redução de até 5% de Diesel + Arla, em comparação a concorrência.

Ficha técnica:
Ciclo: Diesel 
 Nº de cilindros: 6 em linha
 Cilindrada: 6.7L
 Combustível: Diesel
 Potência máxima: 300 cv @ 2.200 rpm
 Torque máximo: 1050 Nm @ 1250 rpm à 1900 rpm
 Diâmetro x Curso: 104 mm x 132 mm
 Espaço entre Cilindros: 120 mm
 Admissão de ar: Turbocompressor com Aftercooler
 Tipo de Turbo: WG – Wastegate
 Taxa de compressão: 17:1
 Ordem de Ignição: 1-5-3-6-2-4
 Número de Válvulas por Cilindro: 4
 Sistema de injeção: Eletrônico Common Rail – Bosch
 Tipo de Eixo de Comando: OHV
 Capacidade do Cárter: 17L
 Sentido de Rotação do Volante: Anti-Horário
 Peso Drenado: 510 kg
 Emissões: Proconve P7 – Euro V

 Sistema SCR

Auto Show Colletion recebe clássicos da linha Chrysler

Na próxima terça-feira, dia 22 de agosto, o Auto Show Collection, tradicional evento de carros antigos do sambódromo do Anhembi recebe a noite temática Chrysler Night, uma das mais esperadas da temporada 2017. 

O encontro, co-organizado com o Chrysler Clube do Brasil, reunirá cerca de 120 clássicos da linha Chrysler e das divisões Dodge, Plymouth, Imperial e Dodge fabricados desde os anos 1950. O evento também terá como atração um campeonato de som e carros rebaixados.

Na pista, o evento terá clássicos nacionais como o Dodge Dart e também Charger, Magnum, LeBaron e Gran Sedan. Na lista de importados, Challenger americano, Plymouth Voyager, Dodge Custom Royal farão parte do evento ao lado de edições recentes do esportivo Challenger, Jeep Wrangler, Citadel entre outros.

Além da exposição, os visitantes terão como atrações uma área de compra e venda de veículos antigos, área de Food Trucks, praça de alimentação, mercado de peças, amplo estacionamento e infraestrutura com segurança, equipe de apoio, sonorização e iluminação, no maior ponto de encontro dos fãs de automóveis e motocicletas de São Paulo.

No Espaço Motociclismo, que reúne toda semana cerca de 600 motocicletas, os fãs de veículos de duas rodas terão atrações especiais como banda ao vivo, sorteio de brindes, exposição de motos clássicas e recentes, Food trucks e uma área exclusiva de test ride com motos da linha Royal Enfield.

A programação completa do Auto Show Collection está disponível no site oficial do evento www.autoshowcollection.com.br

Serviço:

Auto Show Collection
Local: Pavilhão do Anhembi
Av. Olavo Fontoura, 1209 (entrada pelo portão 38 )
Toda terça das 18h às 23h

Serviços: área de exposição, mercado de peças, praça de alimentação, área de Food Trucks (Auto Show Food Park), área de compra e venda de veículos antigos e importados, música ao vivo e rádio feira.

sábado, 19 de agosto de 2017

Volvo Cars lança Novo XC60 no Brasil

Oito anos depois de sua primeira aparição e mais de 1 milhão de clientes conquistados ao redor do mundo, a Volvo Cars apresenta no mercado brasileiro o Novo XC60, utilitário esportivo de luxo que chega às 29 concessionárias da rede em setembro em três versões de acabamento: Momentum, Inscription e R-Design.

Veículo mais vendido da marca também no Brasil, com 18 mil unidades comercializadas, o Novo XC60 é o passo seguinte no plano de transformação da fabricante sueca, iniciado em 2015 com o XC90. Pela grande ambição depositada no modelo, a Volvo desenvolveu a segunda geração do SUV sobre a inovadora plataforma modular SPA (Scalable Product Architecture), a mesma dos carros da série 90 (XC90, S90 e V90). Sua versatilidade permitiu reunir em um só automóvel design refinado, interior sofisticado, recursos ainda mais avançados de segurança e dirigibilidade que colocam o Novo XC60 em um outro patamar de seu segmento.

O Novo XC60 é a expressão pura do design escandinavo ao combinar robustez com visual elegante e refinado. O exterior combina um capô longo, para-lamas alargados e vincos de linhas ascendentes que confirmam a presença imponente do modelo. A forte personalidade da dianteira é expressada pelo mais avançado sistema de iluminação entre seus concorrentes. O Volvo FULL LED System incorpora quatro funções aos faróis do veículo:

Automatic Bending Lights (ABL): faróis auto-direcionais que acompanham o giro do volante para melhorar a iluminação nas curvas. A inclinação do facho do farol pode chegar a até 30º;

Active High Beam (AHB): os faróis possuem um sistema automático que adapta a luz alta para evitar o ofuscamento dos carros que vêm em sentido contrário ou que estejam à frente no mesmo sentido;

Nivelamento automático: o facho do farol mantém automaticamente a posição adequada, de acordo com o número de ocupantes e o carregamento do veículo;

Daytime Running Lights (DRL) e acendimento automático: desenhadas no formato “T” – Martelo de Thor – a luz de posição diurna contribui para a visualização do veículo, mesmo em dias muito claros. Um sensor de iluminação e detecção de túnel ativa automaticamente o farol baixo em caso de situações de baixa iluminação.

O interior do Novo XC60 utiliza materiais naturais e luxuosos por toda a cabine. Madeira, metais genuínos e detalhes esculpidos estão em harmonia com o design escandinavo.

Outro destaque é o sistema de entretenimento e conectividade Sensus Connect, acessível pela tela antirreflexo sensível ao toque de 9 polegadas de LCD no painel central, que reúne praticamente todos os comandos do veículo em um único lugar. O display recebeu atualização gráfica aprimorada, tornando o uso para o motorista ainda mais natural e intuitivo. Navegação, conectividade e entretenimento estão a pouquíssimos toques, ou comando de voz, de distância. Como nos modelos da série 90, a integração do smartphone também está disponível com os aplicativos Apple CarPlay e Android Auto.

O Novo XC60 foi projetado para proporcionar ao consumidor a experiência mais prazerosa de direção a bordo de um SUV médio de luxo.Para isso, o utilitário esportivo chega equipado com tração integral AWD (All Wheel Drive), sempre amparado por um controle dinâmico de estabilidade e tração.

O controle absoluto do veículo se dá também por meio de diferentes modos de condução. São cinco no total, que alteram rotação para mudança de marcha, resposta do acelerador, suspensão e peso da direção:

Eco: privilegia economia de combustível;
Confort: prioriza suavidade nas reações do veículo;
Off-road: para transitar em estradas de terra;
Dynamic: para uma condução mais esportiva;
Individual: customiza a configuração.

O modelo dispõe de transmissão automática de 8 velocidades acoplada ao renovado motor T5 Drive-E, de 2 litros, 4 cilindros em linha, com turbocompressor e injeção direta de gasolina que produz 254 hp de potência máxima e 350 N.m de torque entre 1.500 e 4.800 rpm. Trata-se de um propulsor reconhecido por sua eficiência e baixo nível de emissão de poluentes.
Novas tecnologias de conforto e segurança

O novo XC60 é um dos carros mais seguros já fabricados pela indústria automotiva. Repleto de novas tecnologias, o modelo chega ao Brasil equipado com o inovador City Safety, que foi atualizado no veículo e inclui um assistente de direção, que entra em ação quando a frenagem automática sozinha não seria suficiente para evitar uma colisão em potencial. Nessas circunstâncias, o carro oferece assistência à manobra para evitar o obstáculo à frente. O sistema City Safety opera para evitar colisão contra veículos, ciclistas, pedestres e até animais de grande porte, atuando tanto de dia quanto durante a noite.

Outros dois novos recursos inovadores avançam para a segurança exemplar do novo veículo. Ambos estão presentes nas versões Inscription e R-Design:

Mitigação de Pista Oposta (Oncoming Lane Mitigation), que ajuda os motoristas a evitar colisões com veículos que se aproximem vindos da pista contrária. Esse recurso funciona ao avisar o motorista distraído que invade a faixa oposta, oferecendo suporte automático à direção e conduzindo o veículo de volta à sua própria pista, fora do caminho de qualquer outro automóvel que esteja vindo. O sistema é ativado entre 60 e 140 km/h;

Sistema de Informação de Ponto Cego (Blind Spot Information System), que avisa ao motorista sobre a presença de veículos no seu ponto cego. O recurso inclui a função de assistência ao volante, que ajuda a evitar choques em potencial com veículos escondidos num ponto cego ao conduzir o carro de volta à sua própria pista e fora do perigo.

Além de todos esses recursos, o SUV oferece e abertura e fechamento elétrico da tampa do porta-malas ao passar o pé debaixo do para-choque (função Hands-Free nas versões Inscription e R-Design) e um equipamento inédito no segmento: nova palheta do limpador do para-brisa com jatos integrados que fornecem exatamente a quantidade de líquido no local necessário, para que a limpeza seja mais eficiente. Esse avançado sistema permite que o líquido de lavagem seja distribuído uniformemente ao longo de toda a palheta, em vez de ser pulverizado no para-brisa. 

Desde junho, o Novo XC60 entrou em pré-venda no Brasil com preços especiais por R$ 239.950 na versão Momentum, R$ 256.950 na Inscription e R$ 266.950 na R-Design. A partir de setembro, com o lançamento do modelo no mercado nacional, esses valores passarão para R$239.950, R$259.950 R$269.950, respectivamente.

BMW Z4 Concept: Liberdade sobre quatro rodas

O BMW Group acaba de revelar as primeiras imagens do BMW Z4 Concept. Dinâmico e progressivo a versão conceitual do novo Z4 desperta emoções, ostenta proporções compactas e contornos suaves, além de uma silhueta dinâmica e que abusa emocionalmente de formas atraentes. 

O estudo de design fornece algumas percepções sobre o modelo definitivo de produção do roadster, a ser apresentado no decorrer do ano que vem. "O BMW Z4 Concept é tudo o que podemos esperar de uma máquina completa", explica Adrian van Hooydonk, vice-presidente Sênior de Design do BMW Group. 

"Fazer com que o carro volte ao seu estado essencial, proporciona ao motorista uma experiência com todos os ingredientes de prazer pela condução com extrema fidelidade. Isto é liberdade total sobre quatro rodas", celebra o executivo. 

O protótipo da nova geração do icônico BMW Z4 será apresentado, em primeira mão, no dia 20 de agosto, durante a edição 2017 do Concurso de Elegância de Pebble Beach, na costa oeste dos Estados Unidos.

MARCOPOLO EXPORTA 32 ÔNIBUS VIAGGIO 900 PARA O CATAR

A Marcopolo fará a entrega de 32 novos ônibus Viaggio 900, que serão utilizados para o serviço de fretamento dos funcionários da Qatar Petroleum, uma das mais importantes empresas de petróleo de Doha, Catar, no Oriente Médio. O fornecimento será feito para QETCO, operador de transporte de serviços de fretamento naquele país.

Equipados com 49 poltronas do tipo Executiva, os ônibus Marcopolo Viaggio 900 proporcionam mais conforto para os passageiros e contam com vidros colados, sistema de ar-condicionado de alta capacidade e itinerário eletrônico. Com 12.500 mm de comprimento, o modelo é montado em chassi Scania K410 e equipado com computador de bordo e sistema multiplex.

Com moderno desenho, o modelo foi desenvolvido para oferecer o mais elevado padrão disponível no mercado de ônibus intermunicipais. O Marcopolo Viaggio 900 possui tecnologia de alto padrão, oferece grande conforto aos usuários e possui o menor custo operacional e fácil manutenção, com componentes e peças disponíveis em toda a rede Marcopolo.


Internamente, o Viaggio 900 conta com iluminação interna indireta mais forte e uniforme, sem perda do conforto visual. O projeto proporciona um ambiente aconchegante e ao mesmo tempo funcional, de acordo com a aplicação e o serviço.  O veículo possui ainda luzes de leitura em LEDs, saídas individuais de ventilação e teclas dos porta-focus.

RTE Rodonaves é uma das três melhores do país no Prêmio Top do Transporte 2017

A RTE Rodonaves destacou-se como uma das três melhores transportadoras do país, na categoria Preferência Nacional durante o Prêmio Top do Transporte 2017 realizado na última terça-feira, dia 15 de agosto, em São Paulo. 

O prêmio resulta da 11ª Pesquisa Nacional de Desempenho dos Fornecedores de Serviços de Transportes, que contou com a participação de mais de 4.800 empresas embarcadoras de cargas de 14 diferentes ramos de atividade. Neste ano, foram citadas 1.183 empresas do segmento de transporte de cargas, mas somente 7,1%, ou seja, 84 transportadores, incluindo a RTE Rodonaves, atingiram a pontuação necessária para serem homenageadas e indicadas ao prêmio. 

Receberam o prêmio, em nome da empresa, de seus colaboradores e motoristas, João Braz Naves, presidente e fundador da RTE Rodonaves, Luiz Ribeiro, gerente da filial de São Paulo e Guarulhos e Fábio Andrade, diretor adjunto de rede de negócios. A entrega do prêmio foi feita na sede do Setcesp - Sindicato das Empresas de Transportes de Cargas, na capital paulista.


MINI RECRIA CIDADE, EM 6 CIDADES PORTUGUESAS

Inicia-se no próximo dia 8 de setembro a primeira etapa do MINI City, um evento da responsabilidade da MINI Portugal que pretende recriar uma cidade da marca, no centro de 6 cidades portuguesas.

Nesse sentido, a marca criou um espaço que retrata o seu ADN numa pequena cidade onde os visitantes vão poder encontrar espaços dedicados à arte urbana, à criatividade, à moda, à sustentabilidade, à história da marca, à tecnologia e até mesmo às crianças. Tudo isto, associado à promoção de experiências de condução em todos os modelos da gama MINI.

O objetivo é que as pessoas se sintam numa verdadeira cidade e nesse sentido encontrarão uma variedade de experiências como uma galeria de arte urbana desenvolvida em parceria com a Merc’art; um espaço vocacionado para a mais recente tecnologia, design e características especiais MINI; uma área onde será apresentado um dos modelos MINI desenvolvidos pelo designer de moda Nuno Gama; e até uma área onde estarão representados os melhores petiscos de cada localidade. Não esquecendo as origens da marca, desta cidade fará também parte um Mini clássico, de 1969.

Depois de terminar a sua presença no Porto, o MINI City passará ainda por Viseu, Lisboa, Guimarães, Setúbal e Albufeira, nas datas disponíveis na agenda abaixo.
As inscrições no evento já estão disponíveis em: minycity.pt.

AGENDA DO ROADSHOW
Porto – 8 e 9 de Setembro
Viseu – 12 e 13 de Setembro
Lisboa – 15 e 16 de Setembro
Guimar ã es – 19 e 20 de Setembro
Albufeira – 29 e 30 de Setembro


sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Porsche 911 GT3 R da Stuttgart Motorsport sai na pole position na 3 Horas de Santa Cruz do Sul

A dupla Marcel Visconde/Ricardo Mauricio sai na pole position na 3 Horas de Santa Cruz do Sul, quarta etapa do Campeonato Brasileiro de Endurance e que será realizada neste sábado. 

Líderes na tabela de pontuação, Visconde/Mauricio largam com o objetivo de chegar à terceira vitória seguida e ampliar a vantagem sobre os adversários.

O Porsche 911 GT3 R da Stuttgart Motorsport foi segundo colocado na primeira corrida do ano, em Tarumã, e venceu as duas seguintes, em Curitiba e Interlagos. 

No treino classificatório para a 3 Horas de Santa Cruz do Sul, o carro foi 9 décimos de segundo mais rápido que o segundo colocado no grid, um protótipo MRX Nissan pilotado por Nilson Ribeiro/José Roberto Ribeiro. A dupla Franco Pasquale/Tiel Andrade, vice-líder do campeonato, sai em terceiro lugar.

A largada da prova acontecerá às 12:45, com transmissão pelo site www.endurancebrasil.com.

Os seis primeiros colocados no grid de largada:
1) 20-Marcel Visconde/Ricardo Mauricio (Porsche 911 GT3 R), 1:17.903
2) 65-Nilson Ribeiro/José Roberto Ribeiro (MRX-Nissan), 1:17.903
3) 5-Franco Pasquale/Tiel Andrade (MC Tubarão IX Ford Turbo), 1:19.720
4) 110-Francesco Ventre/Eduardo Dieter (MR 18-Honda), 1:20.260
5) 117-Emilio Padron/Fernando Fortes (MR 18-Audi Turbo), 1:20.433
6) 37-Stuart Turvey (Scorpion Hayabusa Turbo), 1:20.896


Roberto Nasser - De carro por aí

Coluna 3317 – 18.06.2017 edita@rnasser.com.br 

Mercedes ajusta GLA para crescer vendas
Nas modificações em sua linha de caminhões, empresa resume: As estradas falam, a Mercedes-Benz ouve. No caso dos automóveis feitos no Brasil, C e CLA, caminho assemelhado: Mercado fala, Mercedes ouve. Daí, para aproveitar previsão de aumento de consumo, Mercedes ajusta o GLA para crescer vendas. Automóvel feito em Iracemápolis, SP, ao lado do modelo C, sofreu pequenos ajustes em seus pontos de relevo, como o design frontal enfatizando o caráter de robustez do modelo.

Nova grade com aberturas retangulares, inspirada no GLS, maior da marca, novos para choques com tomadas para refrigeração, suspensão antes adotada na versão 250 elevou a altura livre do solo em 30 mm sugerindo visual off road. No grupo óptico buscou-se eficiência pela substituição dos faróis a Xenon por outros com iluminação em LEDs. Na traseira, novo para choques, e grandes lanternas com tecnologia Stardust, aproveitada dos automóveis Classe E.

Trato interno, nova tela delgada, instrumentação com ponteiros vermelhos, itens cromados, novos botões.

Mecanicamente, mantido o motor 1.600 cm3,156 cv, 250 Nm, Flex nas versões 200. Na 250, cilindrada maior, 2.000 cm3, 211 cv, 350 Nm, e topo da linha, o AMG 45 Matic exuda 381 cv e 475 Nm, pelo motor dois litros mais potente do mundo. Para mantê-lo no solo, tratamento de suspensão, freios e direção pela AMG. Em todos o câmbio de duas embreagens e 7 marchas.

Muita eletrônica pró-segurança: assistente de curvas; detector de sono; luzes de freio piscando em pulsos nas frenagens de emergência; sistemas Hold para facilitar saídas em subida; de pré carregamento dos freios em caso de chuva; o estacionador automático sem acionar o volante.

Já à venda. Versão com o mínimo a esperar num Mercedes é a Advance.

Quanto custa
Versão
        R$
200ffStyle
    158.900,00
200ffAdvance
    175.900,00
200ffEnduro
    203.900,00
250Sport
    232.900,00
Mercedes-AMG GLA 45 4MATIC
    359.900,00

O Km. Qual o melhor financiamento? 
Se você quer financiar a compra de seu novo veículo leve O Km, uma observação da Associação de Compradores Proteste, será do seu interesse. Qual o melhor financiamento para o O KM? Talvez após fazer contas e comparações você saberá a melhor escolha e, ante possível economia, se pode buscar produto superior. Um estudo de campo em praças e bancos diferentes, indicou diferenças de até R$ 4.500 nos juros de financiamentos sobre veículos ditos populares. A Proteste lista alguns cuidados:

Medida própria – Antes da compra, simule: quanto o custo da prestação influirá no seu orçamento? E o custo operacional, o combustível, as revisões, os impostos, seguro, estacionamentos? Que valor você pode suportar sem sacrifícios?

Entrada maior – Quanto mais elevado o percentual pago à vista, maiores as facilidades para negociar o saldo com descontos nas parcelas. Se você for financiar diretamente no seu banco, sem a intermediação do concessionário, quando o valor for depositado em sua conta, pesquise e vá ao revendedor para negociar redução de preço e pagá-lo à vista;

Taxa Zero – Desconfie de tal oferta. É inexistente, e os custos com certeza estarão embutidos em algum lugar desconhecido – como o preço sem desconto.

Confira o CET – Sigla significa Custo Efetivo Total. Despreze a informação do percentual da taxa de juros, calcule o valor da prestação em diferentes bancos. Pode variar muitíssimo e é a sua referência para chegar ao valor das prestações. O CET é fator fundamental para aumentar ou reduzir o custo das prestações.

Um novo picape GM e muito mais
GM acabou de delinear novo plano para mercados em desenvolvimento – os com maior expectativa de expansão e lucros -, India, Sudeste Asiático, América Latina.

É projeto de sobrevivência para a GM, criando um novo picape e muito mais. Internamente chamam-no GEM 2, indicando utilizar plataforma global para mercados emergentes, como era plano da Companhia, e a entrada da chinesa SAIC nos negócios da GM através de joint-venture, associação para atuar no mercado indiano. Incentivos e facilidades são oferecidos pelo governo para tornar seu mercado o terceiro do mundo em quatro anos. A GM decidira sair do país após pífia participação no mercado, e a associação permitirá produzir para exportar, em especial para México e América do Sul. Operação de valor impreciso, nele agregado o US$ 1B anunciado em 2016 para expandir a operação indiana.

Coreia será outra base de produção – exportando para EUA, Sudeste Ásia, Austrália e Paquistão. Na América Latina o Brasil o fará para consumo interno e exportação continental.

Nova plataforma supera os projetos E-Car e Ambar, para substituir os carros de base na América Latina, e a sociedade com os chineses, com produção na China e Índia busca reduzir custos, criar sinergia, economia de escala, fornecedores, e processos de marketing e pós-venda. Na América Latina mudará o atual leque de produtos – Prisma, Ônix, Sonic, Cobalt, Spin, um utilitário esportivo, e a novidade de um picape. A operação GM/SAIC pelo projeto GEM 2 quer vender 2M unidades/ano.

O que vem
Brasil produzirá novo picape entre a atual Montana e a linha maior, S10. Morfologia focará os participantes do novo segmento, Renault Oroch e pelo líder Fiat Toro, o mais vendido do país. O novo GM, com chegada prevista ao final de 2019, terá tração dianteira e opção 4x4. Dado importante, pelo projeto Brasil também fará nova família de motores de três cilindros, versões aspirada e turbo.

De volta – Em terceira tentativa a marca coreana SsangYong voltará ao Brasil. Desta vez representada pela JLJ, empresa da cidade de Salto, SP, responsável pela vinda das chinesas Chery – depois assumida pela controladora – e Rely.

Breve – Atuação deverá ser divulgada em setembro, e desta vez o leque de produtos, anteriormente dedicados a picapes e utilitários esportivo será reduzido. Iniciará com utilitário esportivo Tivoli.

Turma – 4,19m de comprimento, motor 1,6 litro, produz 127 cv e torque de 160 Nm, câmbio manual ou automático, seis velocidades. Dimensões cuidadas, pouco menor ante o recém apresentado JAC T 40, Ford EcoSport ... Mais um no pululante segmento de utilitários esportivos.

E ? - Vendas em 2018, quando do vigor de nova regra para o setor, a Rota 2030. Por ela o setor poderá importar sem o inexplicável ônus de 30 pontos percentuais calculados sobre o IPI.

Mercado – Sem adicional de imposto não se espere um galope de vendas de carros importados. Porta voz da Kia, maior no setor, é contido no pensar. Avalia, o primeiro ano será de suave crescimento.

Negócio – Com a assinatura de termo comercial entre a Colômbia e o Mercosul, Toyota Brasil iniciará exportar para o vizinho. Por enquanto Corollas brasileiros, substituindo os automóveis exportados pelos EUA. De ora em diante o abastecimento do mercado será feito pela Toyota do Brasil, parte do projeto da expansão regional da marca pelo continente.

Efeito Ônix – Avaliação informal quanto a conectividade ser pilar principal da liderança de vendas pelo Chevrolet Ônix instou Ford em aplicar a central multi mídia SYNC3 em tela de 17 cm na linha 2017 do Fiesta Sedan. Curiosamente Modelo 2017.

Mais – Motores Sigma L4 1,6 litro, 128 cv, transmissão mecânica de cinco velocidades ou a problemática Powershift. Versão de entrada SEL a R$ 66.500 inclui ar digital, direção elétrica, rodas 15”em liga leve, alarme volumétrico, sensor de ré, controle eletrônico de estabilidade e tração, assistente de partida em rampa e computador de bordo – sem o SYNC 3.

Exceção – Fiat retirou motor 1,6 litro do Grand Siena e padronizou aplicação de 1,4 litro. Criou exceção: motor maior mantém-se nos carros destinados a taxi.

De volta – Mesma marca, depois de fazer razia na lista de produtos, deixando vagos e ociosos os salões dos revendedores – e estes insatisfeitos pela falta de variedade de modelos – fará experiência com o pequeno 500.

Teste – Re inicia importá-lo do México, portando pequenas mudanças nos para choques apenas para caracterizar nova série. Versão básica: motor 1,4 sem  cabeçote Multi Air, e sem transmissão automatizada Dualogic. Revendedores dizem preço em torno de R$ 55 mil. Encomenda inicial é de 400 unidades para sentir mercado.

Revisão – Yamaha re-edita sua motoneta NMAX 160: novas cores e itens diferenciativos como o sistema de variação na abertura de válvulas, freios a disco nas duas rodas, instrumentação digital. Preço? 11,700+ frete.

Frustração – Colecionadores de Dodges estão frustrados. A maior representante midiática da marca, a futura PGR Raquel Dodge, com a visita noturna e soturna ao Presidente da República, ao repetir Joesley Batista, já começou falhando no ato e engasgando na explicação.