quinta-feira, 27 de julho de 2017

HOJE: LC MOREIRA LANÇA "A VITÓRIA DO CEARÁ NA COPA"


Fernando Calmon - Alta Roda - Saindo da anestesia

Alta Roda nº 951/30130– 27 023– 0oda nº852/0611508– 2oda nº851/2017

Fernando Calmon
EcoSport teve fase de ouro desde seu lançamento em 2003. Os concorrentes ficaram anestesiados, vendo a banda passar, e só em 2011 surgiu o Duster. Em 2013, foi lançada a segunda geração do modelo que havia inaugurado o mercado mundial de SUV compactos, segmento que só existia aqui. Nesses últimos quatro anos a concorrência se acirrou e desta vez anestesiou a Ford, que só agora reagiu.

A resposta acaba de chegar com o EcoSport 2018. O modelo de quarta geração, segundo o fabricante, estreia aqui antes de outros mais de 140 países, inclusive dos EUA. Externamente há poucas diferenças, concentradas na parte frontal, como grade e luzes de uso diurno em LED (a partir da versão intermediária Freestyle). Na traseira conservou o estepe externo, modismo superado, mas o fabricante decidiu mantê-lo porque seu porta-malas tem volume no limite do aceitável (362 litros). O sistema de rebatimento do banco traseiro é engenhoso e o assoalho do porta-malas possui uma prancha para maior flexibilidade na arrumação da bagagem. 

Para compensar, a marca americana investiu pesado em segurança, mecânica e interior. Por dentro, as mudanças são profundas com bancos novos, além de nível de acabamento e materiais bastante superiores ao padrão franciscano anterior. Painel é todo novo e inclui telas multimídia de 6,5 pol. (Freestyle) e 8 pol. (Titanium), maiores que as dos concorrentes. O próprio quadro de instrumentos agora enche os olhos. Ar-condicionado digital é de última geração. Pena que perdeu o espaço sob o assento do banco do carona, antes existente. 

Em termos de segurança tornou-se novo paradigma entre SUVs de menor porte. São sete airbags e controle de trajetória (ESC) de série e, na versão de topo, alerta de tráfego transversal, aviso de ponto cego no retrovisor esquerdo e faróis de xenônio, entre outros. 

Evolução marcante no trem de força começa pelo inteiramente novo motor de três cilindros, 1,5 litro, 137 cv, 16,1 kgfm (etanol). Entrega a maior potência específica entre motores de aspiração natural e trata-se do melhor motor flex (sem turbo) disponível no País. Surpreende pelo baixo nível de vibração conseguido por adoção de inédita (em motores de produção nacional) árvore balanceadora contrarrotativa e outros recursos de engenharia. Recebeu também nota A, em consumo de combustível do programa de etiquetagem veicular. 

Ao avaliar o EcoSport nos arredores de Recife, o modelo da Ford demonstrou nítida superioridade sobre o motor de 1,6 L. Muitos podem até pensar que se trata de um quatro-cilindros. Já o motor de 2 litros recebeu injeção direta de combustível e passou a 176 cv (etanol), tornando-se o mais potente do segmento. Suas respostas são vigorosas a partir de 3.000 rpm. A caixa de câmbio automática de seis marchas é nova (igual à do Fusion). Estreia em substituição à automatizada de duas embreagens, conforme antecipado pela Coluna. Mudanças nas suspensões dianteira e traseira melhoram as respostas ao volante e passam sensação de maior robustez. 

Grande trunfo deste SUV passa a ser o preço entre R$ 73.990 e R$ 93.990. Praticamente o mesmo da versão anterior, mas com itens custando entre R$ 5.000 e R$ 10.000 incorporados sem repasse. 

RODA VIVA

PRESIDENTE da VW, David Powels, admitiu a produção de dois novos SUV, além do Tiguan Allspace (7 lugares) mexicano. Um é o T-Cross, na mesma base do Polo para produção em São José dos Pinhais (PR). E o segundo? A Coluna aposta no T-Roc, que divide arquitetura com o Golf. Poderá ser produzido na Argentina para equilibrar comércio bilateral. 

OPÇÃO por alguma forma de eletrificação, incluindo obviamente modelos híbridos, não entrou à toa nos planos da Volvo. Decisão tem a ver com sua exposição excessiva no uso de motores a diesel. A marca está focada em modelos SUV, que são mais pesados. A Land Rover por igual motivo terá de se mexer na mesma direção, incluindo a Jaguar: híbridos e elétricos. 

FIAT Mobi GSR, que recebeu terceira atualização do câmbio automatizado de uma embreagem, demonstra evolução. Trocas de marcha estão mais suaves. Trancos também diminuíram, porém exige respeitar as limitações normais deste recurso mais barato de automatização. Pelo preço menor, uma opção válida. Motor de 1 litro tem potência abaixo dos concorrentes. 

PEPPERlinha de visual esportivo para up! e Saveiro que começou no Fox em 2014, passa a dividir com o conceito Cross o alto de gama da VW. Decoração é discreta e no up! há opção de teto pintado de preto. Preço, com motor TSI: R$ 57.900. Interessante notar que 70% das vendas do subcompacto concentram-se na versão turbo do motor tricilindro, algo surpreendente. 

CHEVROLET S10, modelo 2018, ganhou aperfeiçoamento na caixa de câmbio automática das versões com motor a diesel. Sistema pendular absorve parte das vibrações, formando uma espécie de filtro mecânico para diminuir vibrações transmitidas à cabine. Dá para sentir bem este efeito em comparação ao modelo anterior. Preço: R$ 153.990 a 181.590. 


PERFIL
Fernando Calmon (fernando@calmon.jor.br), jornalista especializado desde 1967, engenheiro, palestrante e consultor em assuntos técnicos e de mercado nas áreas automobilística e de comunicação. Sua coluna automobilística semanal Alta Roda começou em 1999. É publicada em uma rede nacional de 85 jornais, sites e revistas. É, ainda, correspondente no Brasil do site just-auto (Inglaterra).
Siga também através do twitter:  www.twitter.com/fernandocalmo fernando@calmon.jor.br e www.facebook.com/fernando.calmon2

Primeiro Nissan Kicks PcD é entregue para cliente de São Paulo


A Nissan passou a atuar no segmento de PcD e os clientes já estão descobrindo as vantagens de comprar um carro com a qualidade japonesa. 

Flavio Tamura recebeu as chaves do seu Nissan Kicks S Direct, exclusivo para PcD, na concessionária Itavema Japan, em São Paulo. O empresário foi o primeiro comprador do modelo, que começou a ser fabricado em Resende no mês passado, e optou pela cor branco perolado.

Por ser cadeirante e ser alto, o espaço interno foi crucial para a escolha de Flávio. "Tenho um 1,80m e, por isso, minhas pernas não se acomodam bem na maioria dos carros. Mas com o espaço interno do Kicks, consigo dirigir de maneira muito confortável", explica o empresário que também aprovou o tamanho do porta-malas de 430 litros, onde carrega sua cadeira de rodas.

Nissan Mobilidade para Todos
O lançamento do Kicks S Direct exclusivo para PcD é parte de um amplo programa da Nissan no Brasil que tem como objetivo facilitar o acesso e disponibilidade de veículos 0km para pessoas com deficiência (PcD), o "Nissan Mobilidade para Todos". Nos últimos meses, a empresa se preparou integralmente para esclarecer e criar novas possibilidades no acesso à mobilidade para todos, além de oferecer produtos modernos e de qualidade, como o Nissan Kicks e os modelos March e Versa - únicos do segmento a oferecer câmbio continuamente variável XTRONIC CVT no Brasil. O Nissan Sentra, que conta com isenção de IPI, completa a linha Nissan disponível para PcD.

Além da produção do Kicks PcD na fábrica de Resende e do estoque específico para atender rapidamente aos pedidos para este segmento, a Nissan treinou 300 vendedores de concessionárias de todo país para atender as necessidades das pessoas com deficiência. A empresa disponibilizou em seu site corporativo uma página específica com informações sobre do programa (www.nissan.com.br/mobilidadeparatodos).


WIX FILTERS lança 17 novos filtros para linha leve

A WIX FILTERS Brasil, uma das marcas do grupo MANN+HUMMEL, a maior fabricante do mundo em soluções de filtragem, apresenta 17 lançamentos de filtros destinados a veículos de linha leve das montadoras Toyota, Peugeot, VW, Renault, Ford, Mercedes-Benz, Nissan, GM, Fiat, Alfa Romeo, Citroën, Honda e Audi.




Veja abaixo as especificações dos filtros:




PRODUTO
MARCA-MODELO-MOTOR
Elemento Filtrante do Ar - WA10659
TOYOTA: Etios 1.3 e 1.5 (12-)
Elemento Filtrante do Ar - WA48960
PEUGEOT: 307 Flex 1.6 L16V DOCH L4 (01/07- ) / 207 1.6 8V Flex (05/08-)
Elemento Filtrante do Ar - WA9744
VW: Fox 1.0 12V Flex (06/13-); Up! 1.0 12V Total Flex (02/14-)
Elemento Filtrante do Ar Condicionado - WP2037
RENAULT Fluence
Elemento Filtrante do Ar Condicionado - WP2137
FORD Novo Fusion (2013>)
Elemento Filtrante do Ar Condicionado - WP49262
MERCEDES Sprinter (2000>)
Elemento Filtrante do Ar Condicionado - WP49352
NISSAN Sentra (2007>)
Elemento Filtrante do Ar Condicionado - WP6804
GM Corsa / Celta (2000>) / Tigra / Prisma s/ ar
Elemento Filtrante do Ar Condicionado - WP6866
FIAT Tipo (1987>1996) / Tempra (1990>1999) / Coupe (1994>) / ALFA ROMEO - ( 145 2.0i / 155 2.0 16V / 1992 > 1996 )
Elemento Filtrante do Ar Condicionado - WP6870
FIAT Marea / Weekend / Brava (1999>) / Bravo (2011>) ALFA ROMEO - 156 / Sportwagon - 1998 >
Elemento Filtrante do Ar Condicionado - WP9114
CITROEN Xsara Picasso - ( 1999 > 2000 )
Elemento Filtrante do Ar Condicionado - WP9216
HONDA Fit (2006>2008)Flex
Elemento Filtrante do Ar Condicionado - WP9242
FIAT Palio / Siena / Strada / Weekend (Tela) (1998>2000)
Elemento Filtrante do Ar Condicionado - WP9314
HONDA Fit (2003>2007)
Filtro Blindado do Combustível - 33179
AUDI: A4 Todos / VW:Golf III 1.4L, 1.6L, 1.8L, 2.0L, VR6 2.8L, Jetta 1.8L, Passat 1.8L, 2.0L, 2.0L 16V, GT VR6 2.8E (1HO 201 511)
Filtro Blindado do Óleo Lubrificante - 51348
FORD; Ecosport 2.0 Duratec (12-) Focus 2.0 Duratec 13-); Fusion 2.0 e 2.5 Duratec (13-); Ranger 2.5 Duratec (12-)
Elemento Filtrante do Óleo Lubrificante - 57262
VW: Amarok 2.0 (10-)


Chevrolet Onix é o carro parceiro do lançamento do Waze para Android Auto

O Chevrolet Onix foi escolhido o carro parceiro do lançamento do Waze para o sistema Android Auto no Brasil. A estreia permite que motorista do Novo Onix navegue com o app diretamente na tela do multimídia MyLink do veículo.

Para os motoristas, além de poder acompanhar o caminho em uma tela maior que a do smartphone, outra vantagem é a possibilidade de interação com o aplicativo por meio da tela touchscreen do MyLink ou pelo sistema de comando de voz do carro, minimizando distrações e tornando o uso mais seguro.

O Waze possui uma rede global com mais de 75 milhões de usuários ativos mensais - além de 420 mil editores de mapa voluntários e diversos parceiros orientados por dados. O Brasil representa uma das maiores redes de motoristas e é um dos mercados mais importantes para o Waze. Somente na Grande São Paulo, o app tem mais de 3,5 milhões de usuários ativos que dirigem mais de 500 milhões de quilômetros por mês.

Usando a estrutura do Android Auto, o Waze está integrado diretamente na tela do console central do carro. A entrada do app no sistema do Android Auto traz o poder da rede de usuários do Waze diretamente para o painel do carro, com rotas inteligentes, reduzindo as distrações e ainda ajudando o motorista a fugir do trânsito. Além disso, também é possível utilizar as configurações de voz do Google, que são semelhantes às utilizadas no Waze e permitirão que os motoristas interajam com o app via controle de voz.

Conectividade ganha relevância
Pesquisas apontam que tecnologias como a conectividade ganham cada vez mais importância na lista de prioridades dos consumidores de carros de entrada. Já são a segunda razão de compra, superando os atributos mecânicos – design continua sendo o quesito mais relevante.


MAN Latin America entrega ônibus MAN de piso duplo no México

A Transpais, empresa mexicana dedicada ao serviço de transporte de passageiros e fretamento para turismo, renova sua frota com 20 ônibus MAN equipados com carroceria Marcopolo

Com design sofisticado, conforto, tecnologia e segurança, os modelos elevam os padrões de qualquer serviço prestado ao viajante. As primeiras 12 unidades acabam de ser entregues a Transpais.

Esses ônibus MAN RR4, de 480 cv, vão atender a diversas rotas principalmente no estado mexicano de Tamaulipas, mas também nos de Nuevo León, San Luis Potosí e Veracruz. Os chassis estão equipados com transmissão automatizada ZF de 12 velocidades e freio auxiliar, livre de fricção intarder, que assegura mais potência à frenagem.

Além disso, conta com a mais alta tecnologia de segurança como o ACC que, com o controle de cruzeiro ativado, é capaz de detectar a presença de outros veículos na frente e automaticamente reduzir a velocidade para manter uma distância segura. Outro sistema é o LGS que ajuda a evitar a saída da pista com uma câmera que identifica as faixas da estrada e alerta o motorista ao perceber que está se desviando inadvertidamente.


Ambos operam em conjunto com o sistema de frenagem de emergência, EBA, que ao identificar um veículo parado na estrada, avisa o operador e caso nenhuma ação seja tomada, ativa todos os sistemas de frenagem para evitar o acidente. Os modelos também são equipados com a tecnologia ESP para controle eletrônico de estabilidade, além do ASR para controle de tração e o ABS.

Mobil Delvac lança concurso gastronômico para caminhoneiros “Sabores da Estrada”

Com o objetivo de aproximar-se dos caminhoneiros, bem como reconhecer e valorizar esses profissionais, a marca Mobil Delvac promoverá o concurso gastronômico “Sabores da Estrada”. Os interessados em participar da ação poderão se inscrever no hotsite www.saboresdaestrada.com.br até 13 de agosto, para enviar sua receita, que deverá ser preparada na caixa cozinha do caminhão.

Os dez finalistas participarão de um concurso programado para 24 de agosto, no pátio do programa Estrada para Saúde da CCR Autoban localizada no Graal, no km 56 da Rodovia dos Bandeirantes, em Jundiaí (SP). Além do sabor e da habilidade no preparo do prato, considerando todas as dificuldades de cozinhar em uma caixa cozinha, o júri avaliará a criatividade de cada um dos candidatos selecionados para a competição. 

As três melhores receitas serão premiadas com equipamentos para a caixa cozinha e o grande vencedor receberá uma nova caixa cozinha completamente equipada com: uma cozinha Caibi dois andares tradicional, uma geladeira Climatizar 84 litros bivolt, um fogareiro em ferro fundido Resfriar e três banquetas em madeira dobrável, além de participar de uma matéria no quadro Amigos de Estrada Mobil Delvac no programa Pé na Estrada, da Band. 

Integram o júri a gerente de marketing da Mobil Delvac, Roberta Maia, o jornalista Pedro Trucão - que também fará a cobertura ao vivo do concurso e produzirá vídeos do evento para engajar os demais motoristas - entre outros convidados. 

“Queremos estimular o público caminhoneiro a sair da rotina e promover seu potencial criativo com uma ação inovadora e divertida, que busca valorizar o profissional das estradas. Após o concurso ainda iremos produzir um livro digital com as melhores receitas e faremos um relato da história de cada um dos ganhadores”, explica Roberta. 




quarta-feira, 26 de julho de 2017

Nelsinho Piquet completa terceira temporada na FIA Fórmula E em Montreal


O terceiro campeonato da FIA Fórmula E se encerra no próximo fim de semana com a rodada dupla nas ruas de Montreal, no Canadá. E para Nelsinho Piquet, o primeiro campeão mundial da categoria de carros elétricos, o objetivo é encerrar o campeonato somando pontos.

Piquet Jr. pontuou em quatro das cinco primeiras etapas, tendo um quarto lugar em Mônaco como melhor resultado, mas depois passou em branco nas rodadas de Berlim e Nova York, pistas em que o conjunto não se adaptou ao traçado ou houve falhas de motor.

Depois dos problemas com o carro da NextEV nas duas corridas na rodada de Nova York, a expectativa de Nelsinho é a de ter um fim de semana livre de contratempos para terminar a temporada entre os dez primeiros colocados na classificação geral - Piquet Jr. é o décimo na tabela.

Nelsinho já correu por duas vezes no Canadá: em Montreal, disputou o GP do Canadá de Fórmula 1 de 2008 pela Renault mas abandonou por problemas de freio; na Indy Lights, Piquet Jr. correu a rodada dupla de Toronto em 2015 como treino para a decisão da Fórmula E, fez pole e obteve um sétimo e um oitavo lugares.

O circuito desenhado nas ruas de Montreal tem 14 curvas (nove para a direita e cinco para a esquerda) e pelo menos duas retas longas, além de duas retas menores, totalizando 2.750 metros de extensão.

A corrida de sábado terá 35 voltas, totalizando 96,25 quilômetros, enquanto a prova de domingo terá duas voltas a mais e a distância de 101,70 quilômetros, o que promete ser um desafio para equipes e pilotos no que diz respeito ao consumo de bateria.

As duas provas serão disputadas a partir das 17h (de Brasília), com transmissão dos canais Fox Sports.

Programação* (horários de Brasília):
Sábado, 29 de julho
9h - Primeiro treino livre
11h30 - Segundo treino livre
13h - Treino classificatório corrida 1
17h - Corrida 1

Domingo, 30 de julho
9h - Primeiro treino livre
11h30 - Segundo treino livre
13h - Treino classificatório corrida 1
17h - Corrida 1

O que disse Nelsinho Piquet:

"O Canadá é um país que abraça o esporte a motor e me senti honrado por ter revelado o layout da pista no ano passado. Já visitei Montreal várias vezes e é uma cidade fantástica. A corrida do próximo fim de semana será nas ruas do centro. É um lugar fantástico para a final da temporada e espero que possamos terminar o campeonato com um resultado positivo"

CONHEÇA AS PASTILHAS E LONAS DE FREIO DA TMD FRICTION ORIGINAIS NA INDÚSTRIA AUTOMOTIVA BRASILEIRA

Dentre os 30 veículos de passageiros e os 30 de comerciais mais vendidos em 2016, a TMD Friction, parte do Grupo japonês Nisshinbo, o maior fabricante mundial de material de atrito, produziu pastilhas e lonas de freio para 12 fabricantes locados no território nacional: Fiat, General Motors, Ford, Toyota, Volkswagen/Audi, Honda, Jeep, Renault, Peugeot, Citröen, Mercedes-Benz e BMW.

Com pastilhas de freio dianteiras, o maior fornecimento é para a Fiat, abrangendo cerca de 99% de sua produção de veículos, como o Argo (foto), recentemente lançado no mercado, Pálio, Uno, Siena, Mobi, Strada, Fiorino e Doblò. Para a GM, a TMD também desenvolveu e produz a pastilha de freio dianteira utilizada nos Chevrolet Ônix, Prisma e Cobalt. As pastilhas dianteiras do Chevrolet Montana também são da TMD.


Ainda são fornecidas, pela TMD, as pastilhas dianteiras dos Volkswagen Gol, Fox, Cross Fox, Voyage e Saveiro, assim como as do Honda Civic, e as lonas de freio dos Renault Sandero, Logan, Oroch e Duster.

Toyota lança linha de acessórios para o Corolla 2018

A Toyota lança no mercado brasileiro uma linha de acessórios exclusiva para o Corolla 2018. Para o modelo, líder no segmento de sedãs médios no País, a marca posiciona uma gama com mais de 40 produtos genuínos, desenvolvidos e produzidos sob o padrão Toyota de qualidade e segurança.
Os acessórios genuínos para o Toyota Corolla complementam o nível de sotisficaçào e elegância de seu design, além de oferecer ainda mais conforto e segurança aos proprietários na utilização diária do veículo. A gama completa para as versões 2018 do sedã está disponível nas 236 concessionárias da marca no mercado nacional. Toda linha vem com 12 meses de garantia, sem limites de quilometragem.
Veja abaixo alguns dos principais itens oferecidos para cada uma das versões do modelo 2018 do Corolla.
GLi
Acessório
*Preço
Descrição técnica
Rádio 2 DIN com CD player e bluetooth
R$ 1.719,99
> Rádio AM/FM
> Entrada para dispositivos USB/Pen-drive/MP3 player/HD externo
> Bluetooth, transferência de agenda do celular e A2DP (reprodução de músicas sem utilização de cabos)
> Entrada para CD
> Relógio digital
> Conectividade com aparelhos Apple (iPhone/iPod) e Android
> Compatível com os formatos de áudio MP3 e WMA
> Dispensa adaptações na parte elétrica do veículo
> Design exclusivo
Roda de liga leve 16”
R$ 749,99
> Especialmente desenvolvida para o Corolla
> Kit composto de uma roda diamantada, ornamento, cinco porcas de fixação e uma válvula
> Design moderno e exclusivo – proporciona uma direção esportiva e segura
Farol de neblina em LED
Kit farol de neblina frontal em LED
R$ 1.319,99
> Luz em cor branca
> Alta durabilidade e resistência
> Alta luminosidade (6.000k) para aumento de visibilidade em condições adversas
> Torna design mais elegante
XEi
Acessório
*Preço
Descrição técnica
Moldura cromada do vidro
R$ 649,99
> Com encaixe perfeito, foi especialmente desenvolvido para o Corolla
> Cria aspecto ainda mais refinado ao modelo
Kit de lâmpadas de luz branca em LED para faróis de posição
R$ 299,99
> Luz de cor branca - concede alta visibilidade em condições adversas
> Alta durabilidade
> Alta luminosidade
> Facho branco de luz que proporciona mais sofisticação à utilização
Ponteira de escapamento cromada
R$ 199,99
> Design exclusivo, a fim de aprimorar imagem esportiva do modelo
> Longa durabilidade
> Desenvolvido sob medida para o Corolla, com encaixe perfeito
> Fixação segura (quatro parafusos)
> Cromo de alta qualidade – atende requisitos internacionais de qualidade – resistente à corrosão
XRS
Acessório
*Preço
Descrição técnica
Soleira iluminada
R$ 799,99
> Design exclusivo, com iluminação para personalizar o veículo
> Acessório em alumínio – evita oxidação
> Projetado para não interferir no fechamento da porta
Digital Video Recorder
R$ 2.499,99
> Item apropriado para segurança e entretenimento
> Câmera colocada em posição discreta
> Grava vídeos e áudio – ativada logo após a partida
> Fácil instalação
> Resolução de 3.1 mega pixels e memória de 8GB (extensível até 32GB)
> Dimensões: 100.8MM x 79.19MM x 40.9MM
Alarme ultrassônico (key-less)
R$ 599,99
> Sistema de alarme exclusivo para Corolla
> Sensores detectam movimentos dentro do veículo, oferecendo mais segurança e conforto ao proprietário e ocupantes, prevenindo invasões ao veículo
> Sistema é compatível às especificações do veículo, sem interferir no seu sistema elétrico
> Alarme é acionado à distância pela chave original do automóvel
Altis
Acessório
*Preço
Descrição técnica
Sensor de estacionamento
R$ 519,99
> Design acompanha as linhas do pára-choque
> Alta acuracidade na medição das distâncias
> Instalação com garantia da integridade das demais peças do carro (chicotes, buzzer, módulos)
> Dimensionamento de acordo com a capacidade elétrica do veículo, evita alto consumo de energia
> Módulo de elevada vedação. Evita infiltrações e danos à placa mãe
> Chicote protege fios e possui tamanho ajustado ao veículo
Sensor de estacionamento frontal
R$ 599,99
> Kit acompanha quatro sensores integrados ao para-choque dianteiro
> Alta durabilidade e eficiência
> Identifica obstáculos até um metro de distância, sendo acionado manualmente por meio de um botão no painel
> Instalação com garantia de integridade das demais peças do carro (chicotes, buzzer, módulos)
> Dimensionamento de acordo com a capacidade elétrica do veículo, o que evita alto consumo de energia
> Módulo de elevada vedação. Evita infiltrações e danos à placa mãe
> Chicote protege fios e possui tamanho ajustado para o veículo
> Opção de pintura na cor do veículo
Kit de lâmpadas de luz branca em LED para faróis de neblina
R$ 949,99
> Lâmpada em LED que promove grande visibilidade em condições adversas, resultando em viagens mais tranquilas e seguras
> Maior luminosidade que outras lâmpadas (6.000K)
> Facho branco de luz, trazendo maior elegância e sofisticação
> Produto testado e aprovado conforme as rígidas normas globais da Toyota
* Preço público unitário

Acessórios genuínos Toyota
A Toyota possui uma linha de acessórios composta por mais de 150 itens, que atendem aos mais variados gostos e necessidades, com aplicação para todo o seu portfólio, desde o Etios hatch e sedã até o SUV médio SW4.
Toda linha possui 12 meses de garantia, sem limites de quilometragem.

Nova BMW G 310 R esgota pré-vendas em menos de um mês

Motocicleta mais esperada do ano, a nova BMW G 310 R teve todas as unidades disponíveis para pré-venda comercializadas em apenas três semanas. Os clientes interessados preencheram um cadastro online para reservar a moto por meio do hotsite que estreou no dia 3 deste mês.

"Esse resultado já na pré-vendas demonstra a confiabilidade da marca junto ao consumidor e a grande expectativa em torno do modelo, que deverá atrair um amplo e diversificado público para a BMW Motorrad.", comenta Luciana Francisco, gerente de marketing da BMW Motorrad Brasil.  “Neste primeiro momento, o foco será na qualidade e não no volume. Mesmo assim, foi uma grata surpresa esta resposta rápida do mercado”, complementou a executiva. 

Os interessados em adquirir a BMW G 310 R poderão ainda se antecipar ao lançamento nacional, marcado para agosto. Para isso, basta fazer o cadastro no site www.bmwmotorrad.net.br/g310r. Os clientes serão contatados pela concessionária BMW Motorrad de sua preferência ao início das vendas.


Versátil desde sua concepção, a nova BMW G 310 R é a primeira motocicleta da marca abaixo de 500 cc do País. Ela vem equipada com propulsor monocilíndrico, de 313 cm³, com 34 cavalos de potência, a 9.200 rpm, e 28 Nm de torque, a 7.500 rpm. A nova roadster da BMW Motorrad produzida em Manaus (AM) chegará em setembro à rede de concessionárias da marca no Brasil por R$ 21.900.     

Motores Cummins contribuem com os negócios marítimos na região Norte do País

A Cummins Brasil, em parceria com o Distribuidor Noroeste Máquinas, responsável pela distribuição de produtos e serviços da companhia nos estados de Amazonas, Roraima, Rondônia e Acre, comemora a venda de quatro motores Cummins para estaleiro Easa, localizado em Belém (PA). 

Duas unidades do Cummins KTA 38 já equipam o empurrador Cianport Pará, encomendado pela Companhia Norte de Navegação e Portos (Cianport) para reforçar o transporte de grãos na região Norte do País. Os outros dois motores, também KTA 38, serão instalados na embarcação Cianport Amapá, construída para a mesma finalidade, até o final deste ano.

Cada empurrador da Cianport traz um total de 2.400 hp de potência. A motorização Cummins KTA 38, com sistema de combustão Diesel de 38 litros, oferece 1.200 hp de potência a 1.800 rpm. 

A oferta completa de produtos Cummins para o mercado naval inclui motores de propulsão e auxiliares de bordo (mecânicos e eletrônicos) que variam de 6.7 até 95 litros e/ou 300 hp a 4.000 hp; pacotes Diesel Elétrico (de 358 kw a 1.825 kw) e geradores de bordo disponíveis entre 90 kw e 1.825 kw. Toda gama de produtos da Cummins Marine atende à mais rigorosa norma de emissões vigente no país, IMO Tier II.

Para a Noroeste Máquinas, o segmento de motores marítimos é de extrema importância para a região por conta das altas demandas para o mercado de navegação fluvial, como o transporte das mercadorias produzidas pela Zona Franca de Manaus por meio dos rios. “Temos apostado no crescimento do mercado de transporte de grãos também, principalmente para o escoamento da produção de soja, com boas perspectivas para ampliação da estrutura das hidrovias da região até 2018”, diz o coordenador da Noroeste. 

Old Stock Race - Sexta Etapa acontece no próximo dia 30 em Interlagos

Old Stock Race se prepara para mais uma etapa, a sexta da temporada 2017 e traz para as pistas de Interlagos os Opalas 6 cilindros mais rápidos do Brasil domingo dia 30 de julho, vinte e oito dias após a quinta etapa, que teve 23 carros no grid. O acesso às arquibancadas é gratuito.

O evento reúne fãs da linha Opala em um encontro que já se tornou tradicional no portão T/L do autódromo paulista. Além do estacionamento de veículos comuns, há uma área só para Opalas e Caravans, praça de food trucks com chopp e opções de lanches, e acesso à pista na reta dos boxes. A cada etapa, cerca de 500 veículos ocupam a área especial e cerca de 2.500 pessoas assistem às duas baterias em Interlagos.

Algumas novidades surgem na categoria, trazendo melhorias tanto para os opalas em relação a segurança, bem como no aspecto social, uma delas é a mudança dos pneus Pirelli, que foram utilizados desde o lançamento da categoria, pelos da marca Michelin, que após testes de pista comprovou ser uma melhor opção em termos de segurança e economia.
 
A sexta etapa tem o início das atividades na sexta-feira com dois treinos livres um pela manhã e outro à tarde, seguindo no sábado com mais um treino livre pela manhã e à tarde a classificação para a formação do grid da primeira prova. No domingo, os portões abrem a partir das 7 horas para o público e a partir das 11h acontece o já tradicional desfile de opalas e caravans, seguido pela primeira prova do dia, prevista para largada às 11:30.

Serviço:
6ª Etapa Old Stock Race
30 de julho de 2017 - Domingo
Autódromo Internacional José Carlos Pace  - Interlagos
Av. Interlagos, Portão T/L (em frente à caixa d' água da Sabesp)
Abertura do Portão: 7h
Arquibancada Gratuita (sem limite de idade)
Credenciais de Box: R$ 30,00 (permitida só para maiores de 16 anos)

Programação:

Sexta Feira - 28/07
1º Treino Livre: 11h50
2º Treino Livre: 16h45

Sábado -  29/07
3º Treino Livre: 9h45
Classificação: 13h05

Domingo  - 30/07
Desfile Old Stock Race: 10h10
1ª Prova: 10h40
2ª Prova: 13h40

Transportes Framento incrementa sua frota com a aquisição de 44 caminhões da IVECO

A parceria entre a Transportes Framento e a IVECO, que teve início em 2009, acaba de ser reforçada com a chegada de 20 Stralis 600S44 e 24 Tectors 240E28 que farão a distribuição de produtos das mais importantes marcas do setor alimentício do pais. A empresa, com sede em Chapecó (SC), já conta com 256 veículos da montadora e aposta na durabilidade dos modelos e no baixo custo operacional para continuar prestando serviço de qualidade para seus clientes. 

"Essa venda é importante pois propicia aumentar ainda mais nossa participação no competitivo mercado de transporte de produtos frigorificados e refrigerados no Sul do Brasil", avalia Osmar Hirashiki, diretor Comercial da IVECO. A concessionária Carboni, que atende a região onde o cliente atua, participou da operação junto com o Banco CNH Industrial. 

A linha Tector é perfeita para aqueles que buscam o que há de mais moderno e eficiente em transporte, com conforto, economia, potência e produtividade. Os diversos modelos podem facilmente dar conta de qualquer tipo de demanda, desde entregas comerciais menores até transporte de grãos. 


Já o Stralis foi projetado para percorrer longas distâncias, oferecendo economia na manutenção, na operação e no consumo de combustível. O modelo conta com equipamentos de última geração e recursos exclusivos, proporcionando ao motorista uma direção segura e confortável. Todos os produtos da marca são fabricados no Complexo Industrial da IVECO, em Sete Lagoas (MG), onde passam por rigorosos testes no Campo de Provas da montadora. 

terça-feira, 25 de julho de 2017

LC MOREIRA LANÇA NESTA QUINTA FEIRA "A VITÓRIA DO CEARÁ NA COPA"


Wagner Gonzalez em Conversa de pista

Alta tensão no quintal da F1

Mercedes deixa o DTM em 2018 e entra na F-E em 2019 

Não deixa de ser curioso que as três fábricas de carros de luxo da Alemanha confirmaram em questão de meses a decisão de participar oficialmente da Fórmula E, a categoria de carros elétricos. 

Em 7 de julho a Audi abriu a porteira, quatro dias depois foi a BMW e ontem foi a vez da Mercedes; todas elas estarão se enfrentando na temporada 6  - a ser disputada nos anos 2019/2020 - de um campeonato ainda jovem, mas adulto o suficiente para atrair a tenção de grandes fabricantes.  Quem conseguiu essa proeza é o madrilenho Alejandro Agag, ex-menino prodígio da política europeia e responsável por tirar o Queens Park Rangers das divisões inferiores do futebol inglês e consolidar sua presença na Premier League.

Esse empresário que dia 18 de setembro completa 48 anos já foi chefe de gabinete político do presidente espanhol José Maria Aznar, quando tinha 25 anos. Três anos após essa experiência, Agag se candidatou pela segunda vez a um cargo na Parlamento Europeu e em 1999 tornou-se seu membro mais jovem. Assim não é surpresa que das 10 equipes inscritas no campeonato da F-E sete estão diretamente ligadas a fabricantes tradicionais ou em ascensão no mercado internacional.

Desde sua primeira temporada a F-E segue um modelo alternativo que vai muito além de simplesmente usar carros elétricos. O calendário, por exemplo, transcende o modelo tradicional: a primeira etapa geralmente acontece em outubro e a última em julho/agosto. Durante as corridas cada piloto precisa trocar de carro durante as corridas, consequência da limitação de carga das baterias, mas em breve isso será desnecessário. 

Dessa lista extensa destaca-se ainda a não utilização de circuitos tradicionais: a maioria absoluta das provas é disputada em traçados de ruas de grandes cidades; quando a categoria se apresentou em Monte Carlo o fez numa versão mais curta do traçado empregado no GP de Mônaco. Exceções são as etapas disputadas em aeroportos, com o de Berlin, usado este ano.

Em sua quarta temporada, a F-E já fez a primeira vítima no universo do automobilismo tradicional, o sofisticado DTM. Ao anunciar sua estreia na categoria na temporada 6 (2019/2020) a Mercedes informou que deixa o Deutsche Tourenwagen Meisterschaft (Campeonato Alemão de Turismo em tradução livre), decisão que enfraquecerá o torneio ainda mais. 

Alta tecnologia e materiais sofisticados formaram uma combinação que, pouco a pouco, decreta o fim de um ciclo de muito sucesso da série que foi por muito tempo a mais importante do automobilismo mundial para carros de turismo. Este ano a BMW está com um programa reduzido e suspendeu o desenvolvimento dos seus carros: seu melhor representante no campeonato, o belga Maxime Martin, soma 78 pontos, contra 113 do líder Matthias Ekström (Audi).

Coincidência ou não, a BMW se prepara para estrear na categoria na temporada 5 (2018/2019), associada à equipe Andretti Autosport; seus carros vão usar um trem de força inédito, projetado pelos alemães de Munique. 

Na mesma edição a Audi estreará oficialmente, após ter incorporado a ABT-Schaeffler, onde corre o brasileiro Lucas Di Grassi. Nessa luta devem ser incluídas ações como a Jaguar - que contratou a expertise da equipe Williams para montar sua equipe - e outras empresas voltadas à mobilidade elétrica, caso das equipes Next EV (do brasileiro Nelsinho Piquet), fabricante do esportivo que bateu o recorde Núrburgring para carros elétricos, a Faraday Future (start up focada em veículos elétricos inteligentes) e Venturi, construtora de carros elétricos baseada em Mônaco.

O início da F-E foi mais modesto: a proposta de usar carros não poluentes atraiu de imediato a atenção da Renault (que se associou à equipe Dams para formar o e-Dams), e do grupo indiano Mahindra, que já comercializou utilitários no Brasil e tem uma marca voltada ao setor elétrico, a Reva. 

Na segunda temporada a Citroën posicionou a grife DS à junto à operação inicialmente bancada pela Virgin, outra empresa que explora tecnologias avançada para fixar sua imagem corporativa. o grupo China Media Capital, voltado para investimentos, fusões e aquisições, garantiu a presença chinesa ao comprar a equipe do japonês Aguri Suzuki e rebatiza-la de Cheetah.

Com circuitos montados no centro das principais cidades do mundo, a F-E pouco a pouco ganha importância mercadológica nos segmentos de entretenimento, mobilidade e tecnologia. Ponto para Alexandre Agag, madrilenho que circula com desenvoltura entre os grandes líderes europeus. Um jornal de economia da Espanha já classificou que o chip do seu celular é algo que não tem preço, tamanha sua rede de contatos com poder de decisão sobre investimentos, políticas e estratégias.





Wagner Gonzalez
(11) 98326 6630
(11) 5044 9529